Páginas

domingo, 16 de junho de 2013

Os projetos de atrativos turísticos para a Copa em Manaus

Boa esta matéria pela enumeração de projetos a serem realizados para o turismo em Manaus e demais municípios da região metropolitana. O dinheiro será liberado mediante início das obras. Espero que realmente haja modificações efetivas na estrutura da cidade.

*************
G1 AM
*************




16/06/2013 10h02 - Atualizado em 16/06/2013 10h02

A um ano da Copa, obras e 



serviços são desafios para



turismo em Manaus

Até junho de 2014, prefeitura terá que qualificar milhares de profissionais.
Agências querem ampliar permanência de turistas com roteiros ecológicos.

Adneison SeverianoDo G1 AM
Comente agora
O êxito na receptividade aos turistas não se restringe apenas em atendê-los com educação e respeito. O desempenho do atendimento dos visitantes depende também da infraestrutura adequada para recebê-los e da capacitação dos profissionais do setor turístico. Faltando menos de um ano para o início da Copa do Mundo de 2014 em Manaus, os gestores públicos amazonenses e as empresas terão os desafios de nos próximos meses executar obras voltadas para o turismo, que praticamente ainda não saíram do projeto.
No Centro de Manaus, sexta-feira (14), às 14 horas, Centro de Atendimento ao Turista estava fechado em horário previsto para funcionamento (Foto: Romulo de Sousa/G1 AM)No Centro de Manaus, sexta-feira (14), às 14 horas, Centro de Atendimento ao Turista estava fechado em horário previsto para funcionamento (Foto: Romulo de Sousa/G1 AM)
Centros de Atendimento
A ampliação e qualificação dos Centros de Atendimento ao Turista (CATs) na capital é um desses projetos que ainda não foram executados. Em julho do ano passado, o Ministério do Turismo (MTur) anunciou a reforma do CAT da Praça Tenreiro Aranha e a implantação de dois novos CATs, sendo um na Ponta Negra e outro na Rodoviária de Manaus.
O pacote de obras anunciados também previa implantação de dois CATs móveis para utilização na Arena Amazônia e na Arena Fifa Fan Fest. Quando foi lançado na matriz de responsabilidades da Copa do Mundo, a previsão de investimento do projeto era de R$ 6. 698.788,04 com contrapartida da prefeitura no valor de R$ 251.446,33.
Passado quase um ano da divulgação, as obras de construção e reforma de CATs ainda não foram iniciadas. Segundo o Ministério do Turismo, o início previsto, para mais da metade das obras, é agosto deste ano. A expectativa do ministério é que os planos executivos das obras sejam entregues até junho de 2014 pelo tomador dos contratos – no caso, a prefeitura.
"O pagamento é realizado mediante medição da obra, esse acompanhamento é feito pela Caixa Econômica Federal, gestora dos contratos de repasse do Ministério do Turismo. Portanto, não houve pagamento porque nenhuma das obras foi iniciada até o momento", explicou o Ministério do Turismo.
A gerente de projetos da Fundação Municipal de Cultura e Turismo (Manauscult), Jaqueline Figueiredo, explicou que os projetos de reforma e construção dos CATs estão prontos, mas atualmente a prefeitura articula detalhes das ações com o ministério.
"Para firmar o convênio é preciso encaminhar o projeto, que é aprovado ou questionado algum detalhe. No nosso caso, o ministério aprovou o valor das obras, mas existe todo o processo burocrático. Atualmente, estamos reunindo documentos para os recursos serem aprovados e mantemos contato com o Ministério do Turismo através da equipe da Secretaria de Articulação Federal. Assim que celebrado esse convênio, a prefeitura receberá esses recursos e iniciamos a licitação", justificou a gerente de projetos.
De acordo com Jaqueline Figueiredo, o valor de investimento foi ampliado para R$ 8,8 milhões (recursos do MTur e contrapartida da prefeitura) após alteração da matriz de responsabilidades em dezembro do ano passado. "Esse valor é um montante previsto e somente será repassado o volume de recursos de obras autorizadas, no caso de Manaus dois CATs: rodoviária e Ponta Negra; a reforma do CAT da Praça Tenreiro Aranha e a compra de duas unidades móveis para funcionamento de Centros de Atendimento ao Turista. As obras devem começar ainda neste ano", esclareceu a gerente de projetos da Manauscult.
Hotéis em Manaus deverão receber milhares de turistas durante a Copa do Mundo (Foto: Romulo Sousa/G1 AM)Hotéis em Manaus deverão receber milhares de turistas durante a Copa do Mundo (Foto: Romulo Sousa/G1 AM)
Qualificação
A qualificação dos trabalhadores do setor turístico local é uma das ações preparatórias inerentes para receber os turistas nacionais e estrangeiros, que virão assistir aos jogos do mundial de futebol em Manaus.
Diante disso, o governo federal em parceria com as prefeituras desde 2012 passou a oferecer 54 cursos gratuitos no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Copa. O programa é voltado para as cidades-sede do mundial e municípios circunvizinhos. No Amazonas, além de Manaus, Iranduba, Manacapuru, Novo Airão e Presidente Figueiredo foram apontadas como áreas beneficiadas com a iniciativa federal.
Arte programação Copa Manaus - Turismo (Foto: Arte G1)
O Ministério do Turismo informou que a meta de vagas para o estado do Amazonas em 2013, via Pronatec Turismo, é de 6.840 vagas, que serão preenchidas de acordo com a demanda de cada município. Em 2012, segundo o MTur, o relatório de balanço do Pronatec Turismo informa que somente no Amazonas, 2.857 alunos haviam sido qualificados ou ainda estão em sala de aula. Garçom, auxiliar de cozinha, organizador de eventos, recepcionista e camareiro em meios de hospedagem são os principais cursos ofertados.
Já a Manauscult informou que a parceria com o Ministério do Turismo envolvendo o Pronatec Copa oferece de forma gradual 21 cursos. Entre eles, agente de informações turísticas, atendente de lanchonete, auxiliar de cozinha, bartender, camareira em meios de hospedagem, churrasqueiro, copeiro, cozinheiro industrial, garçom, governanta em meios de hospedagem, mensageiro em meios de hospedagem, cerimonialista e mestre de cerimônia. Além disso, o programa oferta vagas de capacitação para monitor de recreação, organizador de eventos, pizzaiolo, recepcionista em meios de hospedagem, recepcionista de eventos, salgadeiro, sommelier, sushiman e condutor de turismo de aventura.
"Destes, tivemos recentemente pré-matrículas para os cursos de camareira em meios de hospedagem, organizador de eventos e recepcionista de eventos. No Pronatec, qualquer pessoa que tenha 18 anos completos e esteja cursando o ensino médio pode fazer a pré- matrícula. Nesse primeiro momento são 16 vagas disponíveis. Os cursos serão realizados no Senac, que é parceiro do programa", explicou.
Segundo a Manauscult, 179 pessoas já estão pré-inscritas, sendo que as pré-matrículas foram encaminhadas ao Senac que fará as entrevistas e a seleção. O curso é gratuito e será iniciado em julho, sendo que cada aluno receberá uma bolsa por hora/aula no valor de R$ 2. Os demais inscritos estão na fila de espera para iniciar nas próximas turmas.
"Nós temos neste mês 16 vagas para organizador de eventos, 75 vagas para recepcionista de eventos e 55 vagas para camareira. Os demais cursos (auxiliar de cozinha, agente de informações turísticas, salgadeiro, garçom, atendente de lanchonete, organizador de festas infantis e monitor de recreação) são as próximas demandas a serem oferecidas. A Manauscult realizou até aqui 492 inscrições para os cursos que ainda vão iniciar", afirmou o órgão municipal responsável pela ação.
Projetos
Ainda com foco na preparação da capital para a Copa do Mundo, nos próximos meses a Prefeitura de Manaus pretende lançar mais uma iniciativa. Isso porque, segundo a Manauscult, vem sendo elaborado um projeto chamado 'Selo Recomendação', que será ofertado aos estabelecimentos profissionais que se qualificarem para ter um atendimento diferenciado.
O Selo é uma parceria com o SEST/SENAT com a SMTU no sentido de qualificar motoristas de táxi, motoristas e cobradores de ônibus. No caso dos ônibus, priorizando as linhas que cobrem os pontos turísticos, o chamado 'Quadrilátero da Copa' abrange os principais acessos aos pontos da Copa (Aeroporto, Arena da Amazônia, Povos da Amazônia) e o que é chamado de Top Ten (os dez pontos turísticos mais procurados na cidade).
"A Reserva Ducke, por exemplo, não está inserida no quadrilátero da Copa, mas os profissionais que trabalham nas linhas de ônibus que atendem esse percurso também receberão treinamento especializado. Motoristas de táxi e guias turísticos também receberão apostilas e material gravado para que eles possam ouvir enquanto trabalham. Temos também a Escola de Serviço Público, na questão dos idiomas, atendimento ao turista e capacitação dos funcionários públicos", divulgou a fundação.
Outra ação prevista para o segundo semestre deste ano e primeiro de 2014 é a qualificação dos ambulantes, donos de barracas e restaurantes que possuem apelo turístico e são permissionários. Conforme a Manauscult, o projeto está sendo elaborado, que depois será encaminhado ao Ministério do Turismo para adequação e aprovação, possibilitando o convênio.
G1 contatou a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) para abordar sobre as ações voltadas para preparação de profissionais do setor turístico. Entretanto, a equipe de reportagem não conseguiu abordar o assunto com a titular Oreni Braga.
Encontro das Águas em Manaus (Foto: Reprodução/ TV Amazonas)Passeio de barco no "Encontro das Águas" em Manaus é uma das atividades oferecidas aos turistas (Foto: Reprodução/ TV Amazonas)
Roteiros turísticos
A vinda de milhares de turistas estrangeiros e nacionais para Manaus é esperada com expectativa pelas agências turísticas locais. A meta das empresas do setor é fazer com que os visitantes permaneçam no Amazonas além do período do mundial, o que requer a oferta de opções de roteiros turísticos na capital e cidades da região metropolitana.
Faltando um ano para o mundial, há agências que ainda não têm roteiros específicos para o período. A Flytour Business Travel, por exemplo, aguarda o sorteio das chaves que definirá quais seleções irão jogar na Arena da Amazônia. O sorteio dos jogos das seleções na primeira fase, que já possuem datas definidas, acontece em dezembro.
Juma Amazon Lodge está localizada a 100 km a sudeste de Manaus (Foto: Girlene Medeiros / Do G1 AM)Roteiros com passeios na selva é foco das
agências turismo locais para atender turistas na
Copa (Foto: Girlene Medeiros / Do G1 AM)
"Estamos esperando o sorteio das chaves porque fica muito amplo neste momento oferecer os pacotes no exterior sem saber quais países irão jogar em Manaus. Vamos fazer algo mais pontual, direcionado para os turistas dos países com jogos na capital", revelou o gerente Marcelo Jobim.
O representante da agência explicou que em um ou dois dias os turistas conseguem visitar os pontos turísticos de Manaus. Por isso, para garantir maior permanência dos visitantes os pacotes precisam contemplar programação fora da capital. "É preciso contemplar passeios na selva e visitas aos municípios vizinhos para garantir que o turista fique mais tempo", destacou Jobim.
Para o gerente da Amazon Explorers, Andrey Lima, a atual infraestrutura da cidade é um fator negativo para prolongar a estadia dos turistas em Manaus. Entretanto, a empresa pretende compensar os problemas estruturais da capital, oferecendo serviço turístico com nova estrutura na Copa. "Estamos melhorando a estrutura física com a compra de equipamentos e barcos novos, além de novas tecnologias. Em relação aos profissionais temos uma equipe já preparada com experiência", frisou o gerente.
Na busca de atender os turistas durante a Copa, a agência divulgou que existe a possibilidade de readequação dos pacotes oferecidos, evitando que a programação de atividades turísticas não coincida com os dias de jogos do mundial.
"Continuaremos com pacotes e roteiros que oferecemos há 48 anos dentro e fora de Manaus, principalmente com passeios fluviais (nosso carro-chefe) e caminhadas de selva. Além dos outros passeios executivos, que incluem receptivos, city tour e passeio em Presidente Figueiredo. A divulgação desses serviços em outros países será através de mídias eletrônicas porque o custo é muito alto. Em virtude dos jogos, poderemos readequar os pacotes no período da Copa", disse Andrey Lima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário